Como atrair e reter talentos da sua empresa

Como atrair e reter talentos da sua empresa

No mundo empresarial, é comum que se ouça: “as pessoas são o principal ativo do negócio”. Avaliando por um sentido literal, obviamente, isso não é verdade. Mas na verdade queremos dizer que os funcionários fazem a diferença para que qualquer empresa possa ter sucesso, gerar emprego, renda e crescer dentro de um mercado cada vez mais concorrido e dinâmico. Da mesma forma, eles podem ser o pilar principal de um grande fracasso.

Para que coisas ruins não aconteçam e riscos sejam sempre minimizados, atrair profissionais de grande potencial é fundamental para qualquer companhia. Além de fazê-los ingressar no quadro de funcionários, é muito importante reter estes talentos. Com os devidos incentivos, estes colaboradores estarão por anos na sua empresa, crescerão com ela e, é claro, não estarão reforçando os números do seu concorrente.

Além disso, todo mundo sabe que, mesmo com a Reforma Trabalhista, a legislação brasileira ainda se mostra bastante burocrática no que diz respeito à contratação e a demissão de funcionários. Por isso, não atrair os profissionais adequados para seu quadro funcional significa prejuízo certo. Como, então, fazer para atrair e reter talentos na empresa? Leia este texto e você descobrirá.

Vagas que pagam salários justos com benefícios atraentes

Os melhores profissionais também esperam receber os melhores salários. Faça uma auditoria financeira e veja o quanto é possível pagar para cada vaga. Lembre-se ainda de ofertar um pacote de benefícios trabalhistas que sirvam de atração para profissionais dedicados, experientes, talentosos e com potencial. Os melhores trabalhadores, mesmo buscando recolocação no mercado, não vão nem olhar vagas que pagam mal.

Invista pesado no processo seletivo para reter talentos

É muito importante escolher o melhor candidato para ocupar as vagas de trabalho de sua empresa e isso exige muita atenção ao processo seletivo. Sites de emprego permitem que a sua companhia possa fazer de forma simplificada uma triagem de acordo com os currículos de cada profissional.

Escolha os que possuem a melhor bagagem, submeta-os a testes e dinâmicas. Veja como performam. Teste sua capacidade de reagir à pressão, prazos e crises. Afinal, são situações recorrentes do mundo corporativo.

Transforme o velho “RH” em um time de desenvolvimento humano

Em companhias tradicionais e obsoletas, o RH serve apenas para contratar, demitir e administrar as férias e benefícios dos funcionários. Em sua organização, o RH precisa ser mais sofisticado. Ele precisa estar preparado para agir como uma “fábrica de pessoas”.

Ou seja, além de preparar profissionais capacitados e aptos para os desafios diários do trabalho, é importante também desenvolver seres humanos melhores. Não se trata exatamente de uma filantropia, mas sim, de investir em um ambiente organizacional favorável, que facilite os processos produtivos.

Propicie capacitações e treinamento constantes

Agora que já temos um profissional de excelência em nosso quadro de colaboradores, é preciso moldá-lo para que esteja sempre atualizado com o que há de melhor no mercado, além de, é claro, potencializar sua performance nas atividades diárias.

Por isso, é muito importante oferecer capacitações frequentes: aulas, coachings, treinamentos, palestras motivacionais, dinâmicas de grupo, workshops, oficinas e conteúdos digitais para que os colaboradores estejam em constante processo de aprendizado. A acomodação não faz bem a ninguém: nem funcionário, muito menos empresa.

Desenvolva um plano de carreira

Nenhum profissional fica motivado ao saber que, provavelmente, fará as mesmas coisas, no mesmo cargo, durante toda a sua permanência na empresa. Crie um plano de carreira para que o funcionário tenha mais incentivos a se reinventar, crescer e evoluir. A retenção de profissionais proporcionada pelo plano de carreira certamente sai mais barato do que demitir e contratar um novo funcionário.

Invista em consultoria empresarial

Muitas empresas ainda estão em uma etapa bastante incipiente no que diz respeito ao crescimento em Recursos Humanos, ou seja, funcionários. Por isso, a ajuda profissional se faz indispensável na implementação destas novas medidas e padrões.

Consultores empresariais estão prontos para ajudar o seu negócio a crescer e se desenvolver de forma sustentável, preparando funcionários e times para a absorção dos melhores profissionais do mercado, somada à sua respectiva manutenção dentro da empresa por um bom tempo. É um investimento que proporciona performance, economia e retorno a longo prazo.



Autor: Gustavo Resende
Mercadólogo, especialista em finanças e Diretor de projetos da GGV com skills orientadas a gestão de negócios, finanças e relacionamento empresarial.